30 de setembro de 2011

Meditação para você

Diante de tatos compromissos não podemos esquecer que Deus nos deu a responsabilidade de cuidar da família. Fica esse devocional para uma meditação neste dia de hoje. Um abraço

Devocional

Escute lentamente

“... ensine-os a seus filhos...” Deuteronômio 4.9

Ser um pai é um privilégio, então você deve convencer os seus filhos que eles são mais importantes para você que sua carreira de sucesso ou a aquisição de coisas materiais. Nunca perca a chance de dizer-lhes que os ama. Conte comigo!

Ser pai é uma responsabilidade. Deus não passou a responsabilidade de seus filhos para o governo ou para as escolas, Ele mantém você responsável! “Não esqueça das coisas que seus olhos já viram...Ensine-os aos seus filhos e aos filhos depois deles.”

Ser um pai é uma oportunidade limitada. Se você negligenciar por muito tempo seus filhos chegarão a conclusão que não são tão importantes para você como as coisas pelas quais você se mantém ocupado.

Quando isso acontece você efetivamente os perdeu. É esse o preço que você deseja pagar? Se não é,6yy então reorganize suas prioridades. Em seu livro “Stress Fractures” (Fraturas por Stress), Charles Swindoll escreve, “Eu vividamente relembro, de um tempo atrás, ser apanhado pela ressaca dos muitos compromissos e poucos dias. E não demorou muito estava respondendo asperamente para minha esposa e nossos filhos, sufocando minhas refeições e sentindo-me irritado com as interrupções ao longo do dia. Em pouco tempo comecei a refletir sobre as coisas em nossa casa e meu estilo apressado. Estava se tornando insuportável. Eu me lembro nitidamente, depois do jantar, das palavras de nossa filha mais nova, Colleen. Ela queria me contar algo importante que havia acontecido com ela na escola aquele dia. Ela começou apressada: “Papai-eu-quero-dizer-algo-e-vou-dizer-bem-rapidamente” De repente percebo sua frustração e respondo: “Querida, você pode me falar e não precisa dizer tão rapidamente, diga lentamente” Nunca vou esquecer sua resposta: “Então ouça lentamente”.

Tradução: Otávio Trinck

Texto Original:

Listen Slowly

 ...teach them to your children... Deuteronomy 4:9

Being a parent is a privilege, so you must convince your children that they're more important to you than career success or acquiring material things. Never miss a chance to tell them you love them. Be there! 

Being a parent is a responsibility. God doesn't hold the government or the school system responsible for your children, He holds you responsible! 'Do not forget the things your eyes have seen...Teach them to your children and to their children after them.' 

Being a parent is a limited opportunity. If you neglect them long enough, your children will conclude they're not as important to you as the things you keep sacrificing them for. 

When that happens you've effectively lost them. Is that a price you're prepared to pay? If not, rearrange your priorities. In his book Stress Fractures, Charles Swindoll writes, 'I vividly remember some time back being caught in the undertow of too many commitments and too few days. It wasn't long before I was snapping at my wife and our children, choking down my food at mealtimes, and feeling irritated at those unexpected interruptions through the day. Before long, things around our house started reflecting the pattern of my hurry-up style. It was becoming unbearable. I distinctly recall after supper one evening the words of our younger daughter, Colleen. She wanted to tell me about something important that had happened to her at school that day. She hurriedly began, "Daddy-I-want-to-tell-you-something-and-I'll-tell-you-really-fast." Suddenly, realising her frustration, I answered, "'Honey, you can tell me... and you don't have to tell me really fast. Say it slowly." I'll never forget her answer: "'Then listen slowly."'


http://www.ucb.co.uk/index.cfm?itemid=88